Nova Zelândia testará o sonho de Tesla: transmitir energia sem fio

19
Compartilhe a Verdade!

Compartilhe a Verdade:


Uma empresa da Nova Zelândia está prestes a testar o grande sonho do inventor croata Nikola Tesla: transmissão de energia sem fios a longas distâncias

 

Nikola Tesla foi um inventor nos campos da engenharia mecânica e electrotécnica. As suas experiências, conduzidas no Colorado, Estados Unidos, com transmissão de energia sem fios levaram a uma das suas propostas mais ousadas: alimentar o mundo com energia sem fios.

Na época, Tesla fez manchetes com os seus planos para um “sistema sem fios mundial” e ganhou financiamento do JP Morgan para construir a primeira de várias gigantes torres de transmissão.

No entanto, o sonho da energia sem fios de Tesla morreu pouco depois: JP Morgan cancelou financiamento adicional e a torre foi demolida.

Cientistas posteriores ficaram céticos sobre se os planos de Tesla – que eram um pouco vagos – teriam funcionado.

Enquanto isso, o colega de Tesla, Guglielmo Marconi, perseguia um sonho paralelo com muito maior sucesso: a transmissão sem fios de informações em ondas de rádio. O mundo de hoje está inundado de informações sem fios.

 

 

Agora, a startup Emrod da Nova Zelândia pode conseguir fundir estes dois sonhos. A empresa está a construir um sistema para transmitir energia sem fios a longas distâncias. De acordo com o Singularity Hub, no início deste mês, Emrod recebeu financiamento da Powerco, a segunda maior concessionária da Nova Zelândia, para realizar um teste do seu sistema numa estação de energia comercial conectada à rede.

A empresa pretende levar energia a comunidades distantes da rede ou transmitir energia de fontes renováveis ​​remotas, como parques eólicos offshore.

O sistema consiste em quatro componentes: uma fonte de energia, uma antena transmissora, vários relés transmissores e uma retena.

A antena transmissora transforma eletricidade em energia de microondas – uma onda eletromagnética como as ondas de rádio de Marconi, mas mais energética – e concentra-a num feixe cilíndrico. O feixe de microondas é enviado por uma série de relés até atingir a retina, que o converte novamente em eletricidade.

 

 

Emrod está a usar energia na banda industrial, científica e médica (ISM) e a manter a densidade de energia baixa. “Não se trata apenas de quanta potência se fornece, é quanta potência se fornece por metro quadrado”, disse Greg Kushnir, fundador do Emrod, em declarações ao New Atlas. “Os níveis de densidade que estamos a usar são relativamente baixos. No momento, é o equivalente a ficar do lado de fora ao meio-dia ao sol, cerca de 1 kW por metro quadrado”.

Se funcionar como pretendido, o feixe nunca entrará em contacto com nada além do ar vazio. O sistema usa uma rede de lasers ao redor do feixe para detetar obstruções, como um pássaro ou pessoa, e desliga automaticamente a transmissão até que a obstrução passe.

A tecnologia de transmissão de energia via energia de microondas existe há décadas. Porém, para torná-la comercialmente viável, é necessário minimizar as perdas de energia. Kushnir disse que os metamateriais desenvolvidos nos últimos anos são os que fazem a diferença.

A empresa usa metamateriais para converter com mais eficiência o feixe de microondas em eletricidade. Os relés, que são como “lentes” que estendem o feixe além da linha de visão ao refocalizá-lo, quase não têm perdas. A maior parte das perdas acontece na outra ponta, onde a eletricidade é convertida em energia de microondas.

 

 

A eficiência do sistema é de cerca de 70%, o que carece de fios de cobre, mas é economicamente viável em algumas áreas.

“Não prevemos num futuro próximo uma situação em que poderíamos dizer que todos os fios de cobre podem ser substituídos por wireless”, disse Kushnir. “Inerentemente, terá níveis de eficiência mais baixos. Não se trata de substituir toda a infraestrutura, mas aumentá-la em lugares onde faz sentido. ”

O protótipo da empresa consegue atualmente enviar alguns watts de energia a uma distância de cerca de 40 metros.

No projeto Powerco, estão a trabalhar numa versão maior, capaz de transmitir alguns quilowatts. O plano é entregar o novo sistema à Powerco em outubro, testá-lo no laboratório durante alguns meses e, se tudo correr conforme o planeado, testá-lo em campo. Os testes terão como objetivo validar quanta potência o sistema pode transmitir e em que distância.

Podemos usar exatamente a mesma tecnologia para transmitir 100 vezes mais potência em distâncias muito maiores”, disse Kushnir, em comunicado. “Os sistemas sem fios que usam a tecnologia Emrod podem transmitir qualquer quantidade de energia que as soluções com fio transmitem.”

 

Fonte: ZAP aeiou

 

Veja tmbm:

terito logo

acesse:

Escola de Lucifer
Círculo EDL
Unebrasil

Livro Lucifer

Unebrasil.net
Quero Vencer
Congresso Digital

Luz p’ra nós!

 

Compartilhe a Verdade:


5 1 vote
Article Rating

Compartilhe a Verdade!

dayllon13

☥Servo de Deus🔥Leal a Lucifer☥

Entre com:




Subscribe
Notify of
19 Comentários
Most Voted
Newest Oldest
Inline Feedbacks
View all comments
Xablau
14/09/2020 10:14 am

Essa forma de transmissão de eletricidade parece promissora.
Vamos ver no que da.
Luz pra nós

Leonardo Moreira
14/09/2020 10:18 am

Amei as lives.
Sempre bom rever para firmar.
Luz P’ra Nós!

Eduardo Donald
14/09/2020 11:19 am

Lux

Silvia Cristina Rodrigues
14/09/2020 12:13 pm

Grande gênio inventor e criador, que seus experimentos sejam de grande utilidade! 👍Luz p’ra todos, ✨luz p’ra nós✨

José
14/09/2020 1:26 pm

Luz pra nós

Lua
Lua
14/09/2020 5:44 pm

Luz p’ra nós!

Márcio Henrique
14/09/2020 8:59 pm

Luz pra nós!

Lin de Oliveira
14/09/2020 9:31 pm

sensacional… vamos esperar pra ver !!!
Luz p´ra nós …

Gustavo Borba
14/09/2020 11:04 pm

Interessante! Luz p’ra nós!

MariaFe
15/09/2020 12:22 am

Mto bom! Luz p’ra nós!

Bruna Sollara
15/09/2020 3:37 pm

Bem legal isso
Luz p’ra nós!

Rayana Urania
15/09/2020 3:46 pm

Luz p’ra nós!

Ariel dos Santos
16/09/2020 9:09 am

Luz p’ra nós!

Williams Rodriguez
23/09/2020 5:50 pm

Luz pra nós!

Next Post

'Eles estão levantando a mão contra as mulheres', diz aposentada que participa dos protestos em Belarus

seg set 14 , 2020
Compartilhe a Verdade!Compartilhe a Verdade:     De G1      Pela quinta semana seguida, cerca de cem mil pessoas foram às ruas em Belarus para protestar contra o presidente Alexander Lukashenko. São as mulheres que estão liderando a oposição.     Mais uma vez, o domingo foi marcado por […]

Siga-nos os bons

Ative o Sininho

Clique Aqui

Quem está online

Luiz Cláudio
Leonardo Moreira

Você:

Teus Téritos bônus

0 Téritos

Selo

300 Téritos

People who have earned this:

error

Seja caminho para a Verdade

19
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Pular para a barra de ferramentas