sáb. jul 24th, 2021

Ex-piloto israelense: ‘Nosso exército é uma organização terrorista’

Compartilhe a Verdade!

Compartilhe a Verdade:


Ex-piloto israelense: ‘Nosso exército é uma organização terrorista dirigida por criminosos de guerra’

Um ex-piloto da Força Aérea israelense, Yonatan Shapira, descreveu o governo e o exército israelense como “organizações terroristas” dirigidas por “criminosos de guerra”.

 

Yonatan Shapira, um ex-soldado israelense em 26 de setembro de 2010 [HASAN MROUE / AFP via Getty Images]

 Um ex-piloto da Força Aérea israelense, Yonatan Shapira, descreveu o governo e o exército israelense como “organizações terroristas” dirigidas por “criminosos de guerra”.

O capitão Shapira, que renunciou ao exército israelense em 2003 no auge da Segunda Intifada Palestina, explicou em uma entrevista exclusiva à Agência de Notícias Anadolu porque percebeu, depois de ingressar no exército, que era “parte de uma organização terrorista”.

  • Percebi durante a Segunda Intifada que o que a Força Aérea de Israel e os militares israelenses estão fazendo são crimes de guerra, aterrorizando uma população de milhões de palestinos. Quando percebi isso, decidi não apenas sair, mas organizar outros pilotos que se recusarão publicamente a participar desses crimes,

ele disse.

“Como uma criança em Israel, você foi criado em uma educação militarista sionista muito forte. Você não sabe quase nada sobre a Palestina, não sabe sobre a Nakba de 1948, não sabe sobre a opressão em curso”, Shapira disse.

 

 

Os palestinos não têm o direito de se defender?

Desde que deixou o exército israelense, Shapira lançou uma campanha que encorajou outros militares a desobedecer às ordens de atacar os palestinos.

A campanha levou 27 outros pilotos do exército a serem dispensados ​​de seus cargos na Força Aérea Israelense desde 2003.

Na última semana, aviões de guerra israelenses realizaram centenas de ataques aéreos contra civis palestinos na Faixa de Gaza, matando pelo menos 188 palestinos, incluindo 55 crianças e 33 mulheres, e ferindo 1.230 pessoas.

 

 

Fonte: Middle East Monitor

 

 

Entenda por que Judeus não aceitam Cristo e o que isso tem a ver com a Palestina

 

 

 

Compartilhe a Verdade:


5 1 vote
Article Rating

Compartilhe a Verdade!

Entre com:





Subscribe
Notify of
9 Comentários
Most Voted
Newest Oldest
Inline Feedbacks
View all comments
Marcio Alves Otero Barco Jr
18/06/2021 8:39 am

Luz p’ra nós!!!

Leonardo Moreira Feitosa Rodrigues
18/06/2021 2:42 pm

Gratidão.
Luz P’ra Nós!

Lucas Schwarzbold
Editor
18/06/2021 6:28 pm

Luz pra nós!

Silvia Cristina Rodrigues
18/06/2021 6:29 pm

É complicado, são uns canalhas! Luz p’ra nós!

Romário Vieira
18/06/2021 8:42 pm

Luz p’ra nós!

Wesley Basilio
18/06/2021 9:02 pm

Criminosos, precisam de perspectiva. Lux heil

Dudu de Souza
Editor
20/06/2021 4:24 pm

Luz p’ra nós

Miryam Yoshiko
Admin
22/06/2021 1:32 am

Incrível, pelo título não esperava que se tratasse disso a matéria, achava que o ex-piloto estaria apenas exaltando esses atos abomináveis de Israel contra Palestina e me surpreendi ao saber que ele até deixou o exército e também por ele dizer que alguns israelitas (principalmente quem faz parte do corpo militar) crescem sem saber ao certo o que realmente acontece com a Palestina por exemplo.

Luz p’ra nós!

Last edited 1 mês atrás by Miryam Yoshiko
Shirley Oliveira
Editor
22/06/2021 4:00 pm

Absurdo! Falta de amor ao próximo, que bom ele está denunciando fazendo a sociedade refletir sobre essa questão Israel palestina.
Luz p’ra nós

error

Seja caminho para a Verdade

9
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Pular para a barra de ferramentas